Colunas
 

Editorial
 
08.04
A Semana Santa e seus significados

Chegou mais uma Semana Santa e com ela vários significados que remetem à fé, ao sacrifício e ao amor. É um momento que temos para refletir sobre os nossos atos de solidariedade e, sobretudo, pedir e saber perdoar, gestos dignos de quem alcançou uma maturidade espiritual.

É assim que devemos vivenciar e comemorar a Semana Santa, que representa a morte de Jesus Cristo que renunciou a vida para morrer na cruz com o objetivo de salvar a humanidade. É nesta época que a Igreja Católica celebra os mistérios da salvação, levados a cumprimento por Jesus Cristo nos últimos dias de sua vida, a começar pelo seu ingresso messiânico em Jerusalém.

Para manter viva a história, é comum a encenação do espetáculo da Paixão de Cristo em vários municípios pernambucanos, sendo a mais famosa em Nova Jerusalém, em Fazenda Nova, distrito do Brejo da Madre de Deus, que nos seus 50 anos de existência já atraiu um público de 3,8 milhões de pessoas de várias partes do Brasil e do exterior.

Em Caruaru são os artesãos do Alto do Moura que há dez anos se transformam em atores para contar a história bíblica. Garanhuns também tem sua tradição de Paixão de Cristo ao apresentar, no Alto da Colina Magano, a peça "Jesus, a alegria dos homens".

Ainda tem a Paixão de Cristo da cidade de Gravatá, que há mais de 15 anos é denominado de ‘Nossa Paixão', e as apresentações gratuitas acontecerão sempre a partir das 20h30, nos dias 13, 14 e 15, no Pátio de Eventos Chucre Mussa Zarzar.

Como se pode ver, mais do que nunca temos muitas oportunidades de reviver o que passou Jesus Cristo para nos salvar. Então, que tal trabalharmos mais o nosso lado humano onde o amor ao próximo está em primeiro lugar?

Vamos pedir ações por parte de nossos governantes para a implantação de políticas de segurança pública, sem esquecer que, como cidadãos, muito poderemos mudar essa preocupante onda de violência que nos aprisiona dentro de nossos próprios lares.

 

 
 
 
publicidade