Colunas
 

Jornal Vanguarda
 
22.10
Blog do VANGUARDA
Críticas

O senador Armando Monteiro atribuiu "a um déficit de articulação política" do governador Paulo Câmara (PSB) e à inexistência de um projeto estratégico de desenvolvimento a exclusão de Pernambuco do programa de concessões à iniciativa privada do governo Temer, o PPI, e a redução de 22% das dotações para investimentos no estado no projeto da lei orçamentária de 2017. Em discurso na tribuna do plenário, ressaltou que falta à Câmara "uma posição proativa pelos interesses de Pernambuco".


Educação

As instituições federais de ensino localizadas em Pernambuco já contam com 100% do orçamento para despesas de custeio, necessárias para a manutenção e regular continuidade da prestação dos serviços disponível. A liberação foi feita pelo ministro da Educação, Mendonça Filho. Ao todo, foram liberados R$ 34,2 milhões de limite de empenho às instituições federais de ensino localizadas no Estado.


Presídios

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse que o governo deve propor um mutirão para rever a situação de cerca de 100 mil presos provisórios em todo o país. "Nós precisamos fazer um grande mutirão de audiência de custódia para os presos provisórios sem violência ou grave ameaça. Eles não precisam estar dentro da penitenciária." Para o ministro, a medida é urgente e visa reduzir a superlotação do sistema prisional.


Saúde

O Ministério da Saúde liberou R$ 24 milhões para saúde do Estado. O recurso será destinado a entidades filantrópicas especializadas no atendimento de diversas doenças no SUS, dividido em 12 parcelas. Espalhadas entre o Agreste e a Região Metropolitana do Recife, as unidades serão beneficiadas com um projeto da nova gestão federal de otimização dos recursos, que tem conseguido economizar despesas e redistribuir o orçamento.


Multa

Se pagar uma multa de trânsito de R$ 53,20 (valor mais baixo) já é um incômodo, imagine ter que desembolsar R$ 17.608,20 por uma infração. A penalidade está prevista na Lei 13.281/2016, que altera o CTB, e é direcionada para quem organizar evento bloqueando ruas sem autorização. Essa e outras novidades entram em vigor no dia 2 de novembro, quando também haverá aumento no valor de todas as multas, variando de 52% a 66%.


Contratos

Os contratos temporários para o fim do ano devem reduzir de 10% a 20% no comércio de Caruaru. De acordo com o presidente da CDL, Márcio Porto, também haverá atraso nas contratações. Em outros anos, as empresas começavam a contratar em outubro. Este ano, algumas lojas devem convocar novos funcionários na segunda quinzena de novembro e até mesmo em dezembro.


Carros roubados

O número de roubos de carros cresceu 130% este ano em Caruaru. De janeiro a setembro de 2015, foram registrados 236 roubos; este ano, no mesmo período, foram 544. A Polícia Civil investiga os casos e já conseguiu recuperar alguns dos veículos.


Gastos

Com a proibição das doações de pessoas jurídicas e a redução do tempo da propaganda política, os gastos eleitorais do primeiro turno deste ano despencaram 71,4% em relação à igual período das eleições municipais de 2012. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os gastos eleitorais em 2016 somaram R$ 2,2 bilhões, enquanto há quatro anos o montante, corrigido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), foi R$ 7,7 bilhões.


Safadão

Os eleitores que não votaram no primeiro turno das eleições e também não justificaram a ausência no domingo (2) podem justificar o voto até o dia 1º de dezembro em um formulário de justificativa pós-eleição. O primeiro turno das eleições municipais aconteceu no último dia 2 de outubro e o segundo será realizado no dia 30 deste mês, em 55 cidades.

 

 
 
 
publicidade